Empreendedorismo Consciente

BLOG DE MIGUEL MATOS

“DAR VIDA ÀS ORGANIZAÇÕES FAZENDO-AS CRESCER, TORNANDO-AS EFICIENTES”

ÚLTIMOS ARTIGOS

Empreendedorismo Consciente

Empreendedorismo Consciente

Todos nós em algum momento da nossa vida somos tocados por uma sensação de desconforto no nosso trabalho, em relação às funções que exercemos, ou pelo menos em relação à forma como as desempenhamos.

E nesse momento assola-nos uma enorme vontade de sair dessa situação de vida. Começamos a sonhar com aquilo que seria viver o nosso próprio destino com domínio total sobre as nossas condições de trabalho. Viver sem ter de reportar o nosso desempenho a mais ninguém para além de nós próprios. Viver o sonho empreendedor. Ser empresário ou pelo menos empregado do nosso próprio negócio.

Mas nestes tempos em que a velocidade com que tudo acontece é enorme e em que a facilidade com que todos os mercados geográficos se interligam é avassaladora, há que ter consciência do perigo da actividade empreendedora.
Assim antes de partir para a criação do nosso próprio negócio, há que fazer uma profunda reflexão sobre as inúmeras condições para o seu sucesso (ou pelos menos sobre as condições mínimas sem as quais o negócio nunca poderá ter sucesso).

Por vezes esquecemo-nos disso, ou não queremos ver, não queremos reflectir. A reflexão toma tempo e nós estamos ansiosos por iniciar a nossa actividade empreendedora. Mas é nesse momento que tudo se decide por vezes, que tudo se constrói, ou se destrói.
Por isso vale sempre a pena estudar mais, analisar mais, aprofundar a recolha de dados sobre o mercado, sobre os produtos, sobre o perfil das pessoas que precisamos de recrutar, sobre os parceiros de que dependeremos, sobre as actividades-chave do negócio, enfim sobre todas as variáveis do nosso modelo de negócio.

Desenhar o modelo de negócio reduz o risco da incerteza; permite-nos tomar consciência sobre aspectos básicos das condições do mercado onde nos pretendemos posicionar, bem como das condições de viabilidade económica e financeira do projecto que pretendemos desenvolver.

Todos podemos e devemos ser empreendedores, se para isso sentirmos aptidão.
Mas devemos sempre ser Empreendedores Conscientes.

Deixe o seu comentário